CÂMARA MUNICIPAL DO PORTO – RESENDE DIAS ESCRITURÁRIO (Nota 9ª)

Já se falou, na NOTA SOLTA 8ª, que o MAESTRO RESENDE DIAS integrou a ORQUESTRA SINFÓNICA DO PORTO, desde a sua fundação.

Mas até surgir essa nova oportunidade, não conseguia viver e manter uma família só com as parcas gratificações recebidas pela sua vida artística, e isso ainda era mais marcante por ser vivida no Porto, sua cidade e a que não quis renunciar para se deslocar para Lisboa e ter outro relevo profissional na música.

Assim sendo, procurou algo de estável para lhe proporcionar os meios económicos necessários. Talvez muitos não saibam, mas com alegria entrou para a CÂMARA MUNICIPAL do PORTO, como funcionário ESCRITURÁRIO.

A Família do Maestro queria poder fazer a história dessa parte importante da sua actividade profissional, para o que solicitou à Câmara Municipal do Porto documentação que pudesse utilizar como informação a dispor aqui nesta Página. Foi muito bem atendida, pelo que agradece, reconhecidamente, a disponibilidade demonstrada e, em especial, agradece a quem teve a seu cargo esse trabalho. Só com esta preciosa ajuda se pode passar a expor o que segue.

Mas o primeiro documento a mostrar pela Família do MAESTRO RESENDE DIAS vai ser a sua Certidão de Nascimento, datada de 29 de Maio de 1916.

Certidão nascimento - digitalizar0035

 

E então agora, os documentos disponibilizados pela Câmara Municipal do Porto e que RESENDE DIAS (SILVA DIAS) teve que apresentar em 30 de Janeiro de 1941, com 24 anos, para poder exercer as funções pretendidas:

 

Resende Dias_Page_15-2Resende Dias_Page_16-2

Resende Dias_Page_02-2Resende Dias_Page_03-2

 

Por curiosidade histórica para as pessoas mais jovens… como era obrigatório então entregar, seguem as duas Declarações:

Resende Dias_Page_04-2

Resende Dias_Page_05-2

Também neste espaço temos a oportunidade de comprovar a época de Serviço Militar de RESENDE DIAS: Como explica no documento seguinte, foi alistado como 1º Cabo Miliciano em 21 de Junho de 1936 (com 20 anos feitos); foi incorporado em 5 de Março de 1937 e, depois de um ano e pouco, em 31 de Maio de 1938, passou à disponibilidade.

Resende Dias_Page_06-2Resende Dias_Page_07-2

Então, aqui podemos mostrar:

digitalizar0020

20120601 018

Depois aparecem mais 4 documentos relativos à saúde:

Resende Dias_Page_08-2 Resende Dias_Page_09-2

Resende Dias_Page_10-2Resende Dias_Page_11-2

Entretanto, mostra-se o requerimento a pedir a “Certidão de Registo de Tutelas” e a sua resposta de que “nada consta”:

Resende Dias_Page_12-2Resende Dias_Page_13-2

Vem, de seguida, uma nova “Certidão de Nascimento” actualizada para este processo:

Resende Dias_Page_14-2

Depois de dois anos ao serviço, foi preciso uma nova Declaração política de RESENDE DIAS e um pedido de Atestado comprovativo de que faz 2 anos de serviço, tudo datado de 1943:

Resende Dias_Page_17-2

Resende Dias_Page_18-2

 

Resende Dias_Page_19-2

Resende Dias_Page_20-2 Resende Dias_Page_21-2 Resende Dias_Page_22-2 Resende Dias_Page_23-2
Resende Dias_Page_24-2

Resende Dias_Page_25-2
Resende Dias_Page_26-2
Resende Dias_Page_27-2
Resende Dias_Page_28-2

Resende Dias_Page_29-2

Entre tantas papeladas, será bom relatar a alegria com que o MAESTRO RESENDE DIAS muitas vezes chegava à sua casa nova, com prendas vindas dos funcionários jardineiros da Câmara, a quem ele atendia pessoalmente e fazia os respectivos pagamentos mensais… Resultado: O jardim de sua casa estava sempre com novas plantas que iam crescendo com o passar dos anos. Talvez a foto familiar que segue ajude a recordar o que se escreveu:

5060010200

E os anos passavam, e em 1948 ía começar a ORQUESTRA SINFÓNICA no Porto, tendo o MAESTRO RESENDE DIAS sido escolhido para o naipe das violas de orquestra.

Foi o momento da decisão, o do pedido de licença sem vencimento, seguido depois, já em 1957, pelo pedido de licença ilimitada, revelado pelo documento que segue:

Resende Dias_Page_30-2
Resende Dias_Page_31-2

E depois as respostas ao solicitado:

Resende Dias_Page_32-2 Resende Dias_Page_33-2 Resende Dias_Page_34-2

 

Os anos passam depressa com a vida artística repleta de acontecimentos… e chega a hora de pedir a aposentação, em Outubro de 1983. Atenção, um dos documentos finais refere os descontos sobre os vencimentos, em escudos como teria que ser… pode-se encontrar com facilidade:

Resende Dias_Page_38 Resende Dias_Page_39

Resende Dias_Page_37

Resende Dias_Page_40

Resende Dias_Page_35-2
Resende Dias_Page_36-2

E, como último documento, insere-se este de resumo:

Resende Dias_Page_41
Resende Dias_Page_42

E é assim o FINAL desta 9ª NOTA SOLTA, aproveitando a FAMÍLIA DO MAESTRO RESENDE DIAS a oportunidade para renovar os agradecimentos pela cedência de cópias desta vasta documentação!

 

[ Notas Soltas ] [ Mensagens ] [ Enviar Email ] [ Família ] [ Início ]

Deixar um Comentário

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s